×

Mensagem de status

  • Active context: geologia
  • Active context: sitewide

Conheça o curso

O Curso de Graduação em Geologia, modalidade Bacharelado, no Campus Monte Carmelo, teve início no primeiro semestre do ano letivo de 2015.
Posteriormente houve atualização da grade curricular, vigente a partir do primeiro semestre letivo de 2018, com as seguintes características:
 
a) Prazo regular para integralização do curso:
Prazo mínimo: 5 cinco anos (10 semestres); Prazo máximo: 7 anos e 6 meses (15 semestres).
b) Turno: Integral.
c) Regime acadêmico: Semestral.
d) Número de vagas: 40 vagas/semestrais.
e) Entrada: Semestral.
f) Carga Horária Total: 3690 horas, sendo:
3300 horas de carga horária obrigatória;
240 horas de carga horária mínima de disciplinas optativas;
150 horas de carga horária mínima de atividades acadêmicas complementares.
g) Para a integralização curricular, considera-se o Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade), componente curricular obrigatório dos cursos de graduação.
 

Histórico


A criação de cursos específicos de formação de geólogos remonta o processo da Revolução Industrial Inglesa, que necessitavam de um profissional especializado na exploração de minerais que sustentariam a fabricação de máquinas, minerais combustíveis para a indústria e na própria matéria prima necessária para a fabricação de diversos produtos. No Brasil, a criação destes cursos teve início no final da década de 1950, fortemente influenciada pela busca do desenvolvimento econômico nas indústrias de base da era Getúlio Vargas e, como consequência, da implantação do monopólio estatal de exploração do petróleo.

 

Atuação profissional


Além da atuação voltada para o aproveitamento de recursos minerais e fontes energéticas, a preparação do geólogo como pesquisador tem ganhado destaque em vários campos, como na Geologia Histórica, na compreensão dos processos endógenos e exógenos da crosta terrestre, base necessária para compreensão da formação geológica da Terra e dos planetas presentes no sistema solar. Esse profissional também atua nos campos da engenharia, da hidrogeologia, da prevenção e remediação de desastres naturais e da análise ambiental, inclusive na elaboração de estudos de impacto ambiental e de análises ambientais estratégicas.
Atualmente, a evolução das ciências geológicas, especialmente em áreas relacionadas com a análise geotectônica e as respostas paleoambientais, vem produzindo resultados que permitem uma melhor compreensão dos fenômenos naturais, o que demanda a participação de profissionais qualificados em Geologia. Neste âmbito, a compreensão e a caracterização sobre a forma de ocorrência e o uso de recursos naturais permitem a elaboração de modelos preditivos de exploração econômica e ocupação antrópica da Terra, geralmente propostos por profissionais da Geologia. O avanço das técnicas de geoprocessamento, usando imagens aéreas e orbitais, com resolução cada vez mais compatível com estudos de detalhes, tem exigido uma maior qualificação profissional em Geologia. Esta nova realidade, vem aproximando cada vez mais os profissionais aos estudos geológicos, à tecnologia, para busca por novos materiais, especialmente nos ramos da construção civil e indústrias, como a cerâmica, que representa boa parcela do Produto Interno Bruto do Município de Monte Carmelo, onde está implantado o referido curso.

 

Objetivos geral e específicos


O objetivo geral do curso de Geologia da UFU é formar o profissional Geólogo, Bacharel em Geologia, com sólida formação multidisciplinar, sustentada no raciocínio e compreensão do conhecimento da Terra, analisando seus componentes físicos, a constituição, a forma e arranjo espacial, a origem e evolução dos processos geológicos e dos aspectos práticos que corroborem para a compreensão das transformações e para as soluções de situações oriundas da ação humana sobre o planeta.


Para atender o objetivo geral são propostas as seguintes ações específicas:


a) possibilitar sólida formação nos fundamentos teóricos e práticos da geologia;
b) desenvolver capacidade para articular os conteúdos básicos e específicos;
c) desenvolver capacidade de praticar a interdisciplinaridade entre conteúdos práticos e teóricos;
d) estimular o desenvolvimento do espírito científico e do pensamento reflexivo;
e) formar profissionais aptos para inserção nos diferentes setores do mundo do trabalho, e para o desenvolvimento da sociedade brasileira e colaborar na sua formação contínua;
f) formar profissionais aptos para sua inserção em diferentes setores do mercado de trabalho, preparados para o desenvolvimento da sociedade brasileira e colaborar na sua formação contínua;
g) incentivar a pesquisa, visando o desenvolvimento da ciência e da tecnologia e da criação e difusão da cultura;
h) prestar serviços especializados à comunidade e estabelecer com esta uma relação de reciprocidade;
i) produzir conhecimentos para contextualizar as questões sócio-culturais e ambientais, articuladas com políticas sociais;
j) aplicar as novas tecnologias na prática profissional;
k) capacitar para o gerenciamento do próprio desenvolvimento profissional.

 

Perfil do profissional - Geólogo

 

O perfil desejado para o egresso do curso de Geologia da UFU tem por base o Parecer da CNS/CES No. 387 de 07/11/12, que estabelece as novas Diretrizes Curriculares para os Cursos de Geologia e Engenharia Geológica:
a) Realizar o mapeamento geológico e outras competências também previstas na Lei 4.076 de 23/06/62, como os levantamentos geoquímicos e geofísicos, estudos relativos às ciências da Terra, trabalhos de prospecção e pesquisa para a cubagem de jazidas e determinação de seu valor econômico, ensino de ciências geológicas, emissão de parecer em assuntos legais relacionados com a especialidade, realização de perícias e arbitramentos referentes às matérias citadas;
b) Ter atuação profissional na avaliação e utilização de recursos naturais (água, recursos minerais, petróleo e gás, entre outros) e a necessidade de conservar o equilíbrio das dinâmicas naturais do Sistema Terra;
c) Planejar, executar, gerenciar, avaliar e fiscalizar projetos, serviços e ou pesquisas científicas básicas ou aplicadas que visem ao conhecimento e à utilização racional dos recursos naturais e do ambiente;
d) Ter conhecimento para lidar com os processos geológicos e a caracterização de suas causas e consequências, com vistas à interação do ser humano e o meio natural, abiótico e biótico;
e) Pesquisar e otimizar o aproveitamento tecnológico dos recursos minerais e energéticos sob o enfoque de mínimo impacto ambiental;
f) Assumir o papel estratégico na definição das políticas de prevenção de acidentes naturais;
g) Pesquisar novas alternativas de exploração, conservação e gerenciamento de recursos hídricos;
h) Fornecer as bases para o planejamento da ocupação urbana e para a previsão e prevenção de riscos de acidentes por desastres naturais e aqueles provocados pelo homem;
i) Atuar nos estudos de potencialidades de uso e ocupação do meio físico e de remediação de contaminações tanto do solo como da água subterrânea;
j) Desenvolver métodos de ensino e pesquisa nas Geociências voltados tanto para a melhoria do desempenho profissional como para a ampliação do conhecimento em geral;
k) Desenvolver e aplicar métodos e técnicas direcionadas à gestão ambiental;
l) Atuar em áreas de interface como a Tecnologia Mineral, Ciências do Ambiente e Ciências do Solo;
m) Atuar no desenvolvimento de pesquisas que possibilitem a obtenção de informações sobre a evolução da Terra, sua composição e origem;
n) Ter uma formação multidisciplinar com destaque não só para o conhecimento técnico em física, matemática, química, biologia e computação, como também, para uma visão crítica e integrada, em campos como economia, planejamento e estruturas sociais;
o) Ter capacidade para propor soluções coerentes para a sociedade, em harmonia com o meio ambiente.

 

Coordenador do Curso de Geologia: Prof. Felix Nannini
Instituto de Geografia - IGUFU
Campus Monte Carmelo
Fone: 34 3810-1075
E-mail: cogeo@ufu.br